Poetisa Leidiana S. Silva

Poetisa Leidiana S. Silva
********

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

NOITE DE OUTONO


É noite de outono
Aquele friozinho
O vento na janela
Fazendo barulinho

Noite escura
Fria pra dedeu
Sento na calçada
E fico a olhar o céu

Na hora de ir pra cama
Fica uma duvidazinha
Não sei se durmo a vontade
Ou se usu uma cobertinha

Se durmo desembrulhada
A noite chego acordar
Sentindo um friozinho
E vou me agasalhar

Noite de outono
Vento assoprando
E eu o tempo frio
Vou curtindo e admirando.

Leidiana S Silva

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

JUNTOS SEPARADOS



O teu olhar me encanta
Faz meu coração palpitar
Batendo muito forte
Ai que vontade de te encontrar 

Me apaixonei por você

No instante em que te vi
Quando penso em você
Parece que tu estas aqui

Quando não vejo você

Fico triste a chorar
Penso em te o dia inteiro
Querendo te abraçar

Estamos juntos separados
A distancia colocou
Um obstáculo em nossas vidas
Para testar o nosso amor

Mesmo estando separados
Pela distância coração
É você que eu amo
É seu meu coração.

Leidiana S Silva

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

CONECTADO


Conectado com o mundo
Na rede a navegar
Com o mundo cibernético
Vou me comunicar

On no bate papo

Off fico não!
No Msn 
Converso de montão

Orkut , Google+

Skype ou Badoo
Também nos jogas online
Que jogo pra chuchu

Nas redes sociais
Estou sempre ligado
É só me curtir
Que dou uma cutucada

Video no YouTube

Assisto de montão
Me inscrevo nos canais
E compartilho com o pavão

Depois da internet

Tudo é possível encontrar
É só ir lá no Google 
E sua pesquisa digitar

No tablet, notebook

Até no celular
Entro na Internet
Para me conectar.

Leidiana S Silva

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

UMA GOTINHA DE AMOR


Foi derepente aconteceu
Cupido jogou uma flecha em mim
A minha vida se floresceu
Sentir-me num mar de emoções

Uma gotinha de amor

Caio sobre mim
No exato momento 
Em que eu te vi

Escutei uma explosão

Que balançou minha estrutura
Palpitou meu coração
Me despertou a paixão

Mudou os meus sentimentos

Vi uma chuva de corações
E veio em me a certeza
Você é minha paixão

Aquela gota de amor
Nas minhas veias correu
Me despertou a paixão
O amor em me reviveu

Mergulhei em um mar de rosas
Me embriaguei de paixão
Meu coração a te entreguei
Para viver o nosso amor

Essa gota de amor
Continua a cair
Regando as sentimentos
De quem do amor desistir

Em me uma gota caiu
E minha vida transformou
Vi na beleza de uma rosa
O reflexo da paixão

A flechado do cupido
Ligou você em mim
Mais a gotinha de amor 
Foi quem me deixou assim

Apaixonada...

Foi uma gotinha de amor
Uma gotinha...
Uma gotinha de amor
Só uma gota.

Leidiana S Silva


quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

REENCONTRO


Pessoas vai,
Pessoas vem
Hoje alguém  
Te conhece
Amanhã você 
Conhece alguém

São pessoas

Que passam
Ficam só 
Por um momento
Mais depois que vai
Ficam no pensamento

Pessoas que passam

Pessoas que vão
Pessoas que voltam
Nos pensamentos moram
Nas lembranças ficam
Um dia
Uma pessoa
Num lugar

Pensamento 

Museu humano
Historiador de ilusão
Que mostra
Quem já esqueceu
Que lembranças
Não esqueceu
As pessoas
Que passou
Se foi
Mais nas lembranças
Marcadas ficou...

Um dia 

Quando avistar
Quem já viu
Reencontrar
Vai ser legal
Fenomenal

Um encontro

Mais que encantador
Da realidade
Com a fantasia
Rever uma pessoa
Que já viu um dia

É muito mais

Que um reencontro
É um regresso
Pois melhor que conhecer
É com o passar dos anos
Voltar a rever. 

Leidiana S Silva

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

LÍNGUA DE COBRA


Venenosa
Cobra peçonhenta
Gente fofoqueira
Ah! Ninguém aguenta

Fica na janela
De noite e de dia
Olhando o vida dos outros
E ninguém desconfia

Digo que é impressionante
Perder tempo, dias constantes
Levando a vida a curiá
A vida dos outros reparar

Tudo sabe
Da noticia
Investiga mais
Que a polícia

E leva a vida,
A fofocar
Curiando, fofocando
A vidas alheia, azucrinando

Língua de cobra
Fofoqueira
Se liga que a vida
Não é brincadeira

Com gente fofoqueira
Não vale a pena se misturar
Pois quem com fofoqueiro tá andando
Fofoqueiro acaba se tornando

Hoje tu fala da vida dos outros
Mais aí vai um recado
Quem dos outros fala mau
Acaba ficando mau falado

O bom, é ser querido
Pelas pessoas admirado
Ser uma pessoa tranquila
Que para fofocas não dá lado.



Leidiana S Silva

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

A MAIS LINDA DO BAILE

Linda
Deslumbrante
Um arraso
Sedução

O seu brilho 
É tão intenso
Que desperta
Amor e paixão

Em meio o véu da noite
Com seu look sedutor
Seu vestido longo preto
Que quem viu o invejou

Tu és a mais bela 
Que no baile desfilou
Despertando sentimentos
Corações apaixonou

No auge na juventude
Tendes muito o que viver
Esbanjando sua beleza
E esse seu jeito de ser

Linda, meiga, sedutora
Deusa da beleza
Com seu corpo violão
Seus cabelos e uma lindeza

Um tesouro nacional
De beleza sem igual
Dá pra ser capa de revista
E até manchete de jornal.

Leidiana S Silva