Poetisa Leidiana S. Silva

Poetisa Leidiana S. Silva
********

terça-feira, 11 de julho de 2017

O CAMINHO DA VIDA E DO AMOR

A vida tem só um fim
E muito recomeço
E caminho por mais reto
É cheio de tropeço

O amor é um armadilha
Do tipo bem estranha
Comparo o amor
A uma teia de aranha

Pois pega sua presa
E não a solta mais
A única diferença
É que amor bem faz

Casamento é um grande salto
Também é uma mudança radical
Uma junção de duas cabeças
Duas mentes que não pensa igual

Tem algumas pessoas
Que tem sorte no amor
E consegue ser feliz
Com o alguém que se casou

Tem quem depois de casado
Se apaixona ainda mais
E infelizmente tem aqueles
Que do casamento inferno faz

Na verdade umas pessoas
Tem mais é muito azar
Pois já pede o divórcio
Logo após de se casar

E pode ter certeza
Quem o amor não valoriza
A sua felicidade
Inteirinha desperdiça

E o destino nela
Será sofrer, sofrer, sofrer
Envelhecer sozinha
E no fim sozinha morrer

Isso não é vida
Muito menos viver
Só o amor constrói
E nos faz sobreviver

Quando às brigas ficam constantes
E até da cama já se separou
Quando não mais consegue se olhar
Acredite não tem mais amor

Assim como a vida
O amor tem um trágico fim
Juntar-se é bom demais
Mas separar-se é muito ruim

E assim como a vida
O amor tem seu recomeço
E se pode trocar de amor
Assim como de endereço

Mas tem quem escolhe um amor
E nunca, nunca é trocado
Pois igualmente ao endereço
O seu amor é valorizado

O seu amor se torna único
E não tem substituição
Não tem nada melhor que ele
Não tem nem comparação

A vida fica muito linda
Tudo fica mais prazeroso
E assim como um chocolate
O seu viver fica gostoso

Tipo a casa dos sonhos
Que com esforço constituiu
Nela seu filhos nasceram
E você dela nunca saiu

E a sua linda história
Se torna uma coisa rara
Com um único começo
E o fim que nada se compara

Pois a perfeição da vida
Igualmente a perfeição do amor
É ser feliz e realizado
Com o que o destino lhe presenteou

A nossa vida e nosso amor
É de Deus dois grande presente
E nosso progresso ao longo da vida
Depende muito dos atos da gente

Progresso é a linha da vida
O caminha a se trilhar
Viver o amor intensamente
É do caminho não desviar

O carinho da vida e do amor
Foi projetado na mesma estrada
E o objetivo desse projeto
Foi dois progressos em uma jornada

Viver e amar - Amar e viver
Para o seu tempo não perder
E depois se arrepender
Pois a mudança faz sofrer

Mudança é novos hábitos
É o estranho enfrentar
É voltar no meio do caminho
E a distância calcular

É caminhar tudo de novo
Sem pensar muito na distância
É sofrer, penar e suportar
Sem nunca perder a esperança.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário